Casamento da Fernanda

0
29336

Celebração do casamento da Fernanda e do Marcus.

 

Neste 21 de novembro de 2010, a cerimônia do casamento aconteceu da melhor maneira possível. Conforme convite, o fato foi realizado na Fazenda Serra Verde, município de Satuba, um ambiente dos mais aprazíveis. Encosta arborizada de maneira natural, com instalações confortáveis e uma organização primorosa. O cerimonial foi impecável.

Previsto para iniciar às 10:00h, houve um certo atraso, como é natural em qualquer casamento, principalmente nesse caso. Tudo foi organizado da melhor maneira possível. Não faltou nada. Bifê, coral, equipe técnica, grupo musical bom, enfim, uma organização perfeita. Iniciada a cerimônia, o celebrante ficou muito à vontade a expectativa de todos os presentes. Pra quem não sabe, foi o Monsenhor Manoel Henrique, pároco da Igreja de São Pedro, que se deslocou até o local para celebrar a cerimônia. Como é de praxe, ele foi objetivo em sua oração, demonstrou fidalguia e sabedoria ao externar a sua bela mensagens aos nubentes.

O local da cerimônia foi preparado com material de bambus e flores, numa originalidade a toda prova. Tudo ao ar livre. Apesar do sol forte, uma tela fina e a brisa que soprava, amenizavam o efeito. Muitos convidados procuravam se abrigar na sombra das árvores e da própria casa. O visual da região deu um tom romântico, enriquecendo a mensagem principal, que era o casamento dos jovens.

Foram organizadas duas filas de cadeiras ao ar livre, sendo uma banda para a família do noivo e a outra para a família da noiva. O casamento foi prestigiado por muitos familiares e amigos de todos os lados. Houve momentos de pura emoção, por causa da participação de pessoas especiais, sinalizando o amor e o carinho pelos noivos. Por parte do noivo, prestigiou, além dos seus pais, a avó e a bisavó da Júlia, que foi auxiliada por uma cadeira e uma pessoa, para facilitar o seu deslocamento até a parte dedicada aos padrinhos e madrinhas dos noivos. A cena foi emocionante e muito especial. Na hora da apresentação das alianças, quem as trouxe foi a filhinha dos noivos, que tem 2 meses de idade. O Padre disse com relação ao rebento, que o casal estava de parabéns porque já estava demonstrando senso de responsabilidade, ante o fruto de sua relação. Essas cenas foram interessantes.

Para valorizar sobremaneira a celebração, o coral apresentava lindas músicas adequadas para o momento. As apresentações eram acompanhadas por um tecladista e um violinista. O resultado maravilhoso. Não houve quem não se sentisse bem e orgulhoso do bom gosto apresentado.

Terminada a cerimônia, começaram os comes e bebes. Como dissemos, a festa rolou até o fim da tarde, oportunidade em que todos se esbaldaram e se refestelaram com o que havia de melhor.

A noiva foi prestigiada pela maioria absoluta de sua família. Da mesma forma, o noivo.

Temos o imenso prazer de registrar o valor do grande acontecimento e parabenizar os nubentes, bem como os seus pais e familiares, pelo sucesso acontecido. Manifestamos o desejo de que sejam muito felizes. Parabéns e votos de muito sucesso.

Abel Magalhães – pela família da noiva.

 

Tu eras também uma pequena folha, que tremia no meu peito. O vento da vida pôs-te ali. A princípio não te vi. Não soube que ias comigo. Até que as tuas raízes atravessaram o meu peito, se uniram aos fios do meu sangue, falaram pela minha boca, floresceram comigo” (Pablo Neruda) – Reproduzido do convite.                                                                                                 

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*