Homenagem para Maria Clara

0
29560


Homenagem Para Minha filha Maria Clara

Que a nossa vida, Maria Clara, tecida de tantos encontros e desencontros, como a de todo mundo, tenha um entendimento acima das palavras e um afeto acima dos gestos – algo que só pode nascer entre nós.

Que quando eu a olhe, minha filha, vc não se sinta criticada ou avaliada, mas simplesmente adorada, como foi desde o primeiro instante que eu soube que estava grávida de vc.

Que, quando vc  se lembrar da sua infância, não recorde os dias difíceis por que passamos juntas (os problemas financeiros, a minha saúde não muito boa, a minha ausência por eu ter que trabalhar, inclusive no dia do seu aniversário,  os meus dias de estresse, e as palavras injustas que falei!..)

Clarinha, lembre-se somente dos momentos que curtimos com a família, com os amigos, os passeios, as inúmeras vezes em que fomos à praia e aproveitamos muito. Lembre-se das nossas viagens, que embora simples, foram de uma riqueza e alegria que ninguém pode imaginar!Lembre-se das nossas risadas, das historinhas que eu contava p/vc dormir e, acabava que eu sempre dormia antes! Das comidinhas que até hoje eu preparo p/ vc poder se deliciar!!

Filha, não recorde as minhas imperfeições e impropriedades, mas da taça de sorvete que dividimos, das aulas chatas de português que te dei, do meu carinho e da sensação de aconchego, …

Que quando vc precisar de mim, Maria Clara, nunca hesite em me chamar: Mãe! Seja p/ pedir  que eu leia a sua redação, seja  escutar sobre seus projetos de estudar fora do país ou mesmo p/ falar sobre a escola ou seja p/ socorrer de qualquer coisa. Não é preciso se constranger.                   Porque serei sempre a mãe que eu posso ser. Nem melhor nem pior!

Clarinha, se um dia nos afastarmos porque vc conseguiu o seu objetivo de estudar em outro país ou mesmo morar em outro lugar,vou sentir uma passageira tristeza, pois sei que todos devem seguir o seu caminho, mesmo que esse afastamento signifique uma certa distância: e que todo nosso reencontro seja de grandes abraços e de boas risadas. O nosso amor independe de presença e tempo.

Que em qualquer momento, minha filha, sendo eu a mãe que sou, que pude ser, vc possa perceber em mim, ainda que de uma forma breve, passageira, a felicidade que tive quando vc foi colocada pela primeira vez nos meus braços, lá na maternidade, em Campinas: misto de susto, plenitude e ternura, maior  e mais importante de tudo que tive. A sensação que vinha do seu cheiro, do seu rostinho angelical e da consciência de que havia ali, a partir de mim e desse amor, uma nova pessoa, com seu destino e sua vida, nessa bela e complicada terra. E, assim sendo, Maria Clara, filha amada, querida e muito desejada, vc terá sempre me dado muito mais do que esperei ou mereci ou imaginei ter!

Eu te muito!!!! Vc é td pra mim!!!

 

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*