ATA DA REUNIÃO DE 08 DE OUTUBRO DE 2017

1
281

ATA DA REUNIÃO DE 08 DE OUTUBRO DE 2017
Abertura – Com a presença de 20 associados e 14 dependentes – totalizando 34 membros, a reunião teve início às 11:10h e foi realizada na residência da associada Maria Bernadete, de quem a presidente solicitou que fizesse a oração inicial, que foi atendida gentilmente.
Ata – O secretário fez a leitura da ata da reunião anterior, que foi aprovada.
Departamento Financeiro – O tesoureiro Cláudio Magalhães leu o relatório do departamento, com o seguinte resultado: Mensalidades recebidas: R$ 135,00; Débitos do período: R$ 0,00.
Balanço:
Saldo anterior: R$ 8.848,92; Créditos recebidos: R$ 135,00 de mensalidades + JCM: R$ 25,04; Débitos: R$ 0,00; Saldo atual: R$ 9.008,96. O relatório foi aprovado, inclusive chancelado pelo Conselho Fiscal.
Direção de Esporte, Lazer e Social – Cláudio Júnior começou agradecendo a Bernadete e a todos os filhos e genros pela carinhosa acolhida em sua casa. Lembrou passagens de sua vida vinculadas à casa dela; de quando era jovem e estudava no Colégio Quintela Cavalcante que, por várias vezes ele ia ao banheiro e penteava o cabelo; disse também que teve a oportunidade de ler na íntegra o projeto “Família Magalhães” onde leu a entrevista da Bernadete que falava sobre o prazer de receber os parentes em sua área de lazer. Falou também da importância da terceira idade entre outros. Disse que a citada casa muito o emociona. Finalizou dizendo que era uma grande honra estar ali. Pediu sugestões para o passeio do Fam. Destacou a importância dos que vêm de fora prestigiar as reuniões da família. E pediu uma salva de palmas. Destacou os aniversariantes do mês, com realce para a saudosa vovó Olívia. Destacou uma nova ferramenta, informando que a Silvania estava publicando ao vivo pelo Instagran a reunião do FAM. Cobrou a presença do Edson da Betinha. Finalizou anunciando que o Wilson ia prestar uma homenagem à família no final do encontro.
Direção de Patrimônio – Adilson disse da sua alegria em estar na casa da Bernadete. Quanto ao projeto do muro, por sugestão do Miguel, teria ficado para depois do passeio anual do Fam, objetivando prestigiar o maior número possível de associados no evento. Disse que Ivany tinha providenciado uma limpeza no sítio, deixando tudo limpinho.
Palavra livre.
Fizeram uso da palavra, no segmento, as seguintes pessoas:
1. Wilma, que representou a mãe, disse que ela estava muito feliz em receber a família em sua casa. E se ela estava feliz, todos os filhos também estavam. Este era o sentimento geral. De coração, disse: “se sintam em casa; e que todos se sintam abraçados”.
2. Wellyson falou sobre sugestões para o passeio. Disse que Dunas do Marapé era uma boa ideia e que tinha contatado uma colega, turismóloga, para fazer uma pesquisa. Pediu para que não esquecessem de definir a data. Manifestou, também, o desejo de ver a galeria dos ex-presidentes do FAM modernizada. Cláudio Jr se dispôs a falar com o Dija, autor do projeto, para conseguir o intento. Wellyson sugeriu o Douglas, noivo da Natália, para auxiliar na execução da obra.
3. Adilson disse da sua alegria em estar com a família. Lembrou que sempre valorizou a família e que sem ela a pessoa fica prejudicada. Informou que o seu filho Alysson não estava na reunião porque estava estudando para o Mestrado de Física.
4. Betinha agradeceu à Bernadete por fazer o encontro da família em sua casa, porque era uma extensão da casa da mamãe. E se prontificou para que a próxima reunião seja no 2º domingo de novembro em sua residência.
5. Marcos César lembrou a importância do Conselho Fiscal que cumpriu a sua parte analisando o balancete do mês. Destacou o valor da participação dos associados na dinâmica das reuniões e lembrou a necessidade de deixa-los mais à vontade, quando da discussão dos assuntos. Lembrou que estávamos em família e isto permite fugir um pouco do rigor dos padrões. E que isto torna as reuniões mais leves, mais divertidas e aproximam mais as pessoas. Pediu desculpas por mostrar o seu modo de pensar. Disse que, se a reunião for muito formal, ela afasta as pessoas. A intenção é que a reunião flua normalmente. Sobre o passeio disse que Dunas do Marapé não tinha estrutura suficiente para o evento. Sugeriu o balneário do Broma, em Maceió. Disse que lá havia muitas pousadas e o ambiente era aconchegante. Sobre o passeio do Fam se colocou à disposição da diretoria. Finalizou falando sobre a sua experiência.
6. Fernando lembrou que era a primeira reunião na casa da Bernadete; e que era a primogênita da família. Por causa disso, estávamos conhecendo pessoas novas; os seus netos; genros etc. Destacou o diferencial da família por ter o FAM. Sobre valores, destacou a evolução do Cláudio Júnior – suas origens e superação. Disse que devemos superar sempre os nossos pais em termos de educação e cultura, pois este é o grande desejo deles. Finalizou dizendo que a educação da família facilita a melhora na condução dos destinos do nosso País.
7. Sandra destacou o valor da mensagem do Fernando sobre a necessidade de os filhos superarem os pais na educação. Deu exemplos. Evidenciou os seus filhos e a dedicação que tem empenhado na busca do objetivo. Disse que a ideia de se fazer a reunião na casa da tia Bernadete surgiu na reunião da casa do Cláudio Jr. E ali estava o belo resultado. Acertou para que a próxima reunião seja em sua casa, no mês de novembro. E justificou as vantagens de as reuniões serem aos sábados.
Encerramento: Depois dos agradecimentos da presidente Vânia, o encontro foi encerrado com a bela apresentação do Wilson e sua família interpretando o sucesso: “Oração da Família”. Seguiu uma verdadeira festa em família, com churrasco preparado carinhosamente pelo Betinho, almoço, muita fruta, bebida e música.
Arapiraca, 09 de outubro de 2017.
Abel de Oliveira Magalhães – Secretário

PS: Encerrada a solenidade, Wilson procurou o secretário e disse com muita humildade: “Eu queria falar, mas não tive coragem. Eu sou muito acanhado. Eu queria destacar o empenho do meu primo Cláudio Jr que não se cansa de me convidar para participar das reuniões do FAM e eu nunca tenho ido. Sou um grande admirador dele. Espero que ele continue assim. Parabéns para ele”.

Compartilhar

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

*