ATA DA REUNIÃO DE JULHO DE 2017

3
231

ATA DA REUNIÃO DE 23 DE JULHO DE 2017
Abertura – Com a presença de 22 associados e 06 menores dependentes – conforme lista de presença – a reunião teve início às 10:50h e foi realizada na residência do associado Miguel Magalhães. A presidente Rosivânia solicitou que a associada Ivany fizesse a oração inicial, que foi atendida com presteza.
Ata – O secretário fez a leitura da ata da reunião anterior, que foi aprovada.
(Enquanto a reunião acontecia, Marcos César providenciava churrasco, que era servido ao longo do encontro, ampliando o conforto de todos. Por causa da chuva, ele instalou uma lona para proteger os associados).
Departamento Financeiro – O tesoureiro Cláudio Magalhães leu o relatório do departamento, com o seguinte resultado: Mensalidades recebidas: R$ 150,00; Débitos do período: R$ 110,00;
Balanço:
Saldo anterior: R$ 8.661,98; Créditos recebidos: R$ 150,00 (mensalidades); + JCM: R$ 64,39; Débitos: R$ 110,00; Saldo atual: R$ 8.766,37.
Conselho Fiscal: Ao conferir o documento, o associado Fernando Magalhães detectou falha na confecção das contas. Efetuada a correção, o saldo permaneceu inalterado. (Miguel Júnior reproduziu imediatamente novo relatório com as modificações providenciadas).
Direção de Esporte, Lazer e Social – Cláudio Júnior iniciou lamentando o baixo número de associados presentes às reuniões. Disse que ligou para alguns e não obteve sucesso. Fez referência ao desempenho do casal Marcos César/Vaninha pela dedicação ao FAM. Disse que garimpou bastante no sentido de localizar vídeos que revivessem a história da família. Destacou a preciosidade de um de 26/01/1991, com o registro de um almoço na casa do associado Abel Magalhães, onde participaram pessoas as mais importantes, tais como a Vovó Olívia, o tio José, o tio Júlio e tantos outros familiares, que mostravam a sua juventude de 26 anos atrás. Sua exibição proporcionou muita emoção e bem-estar.
Direção de Patrimônio – Adilson informou que uma parte do muro da sede do FAM tinha ruído com a ação das insistentes chuvas caídas na região. Foi autorizado efetuar a restauração do citado muro, com ônus a ser definido – pelo FAM ou associados.
(Nesse instante, deram entrada no recinto vários familiares, que chegavam para prestigiar o evento: Eline e filho – que se deslocaram de Belo Horizonte para rever a família – Lourdinha, Eliane e Magno, Wesley e Wellyson, e tantos outros. A reunião foi interrompida por alguns instantes para recepcionar os que acabavam de chegar. Rolou muita alegria).
Palavra livre.
Fizeram uso da palavra no segmento os seguintes associados:
1 – Abel, que demonstrou a sua preocupação em aprimorar os registros do FAM, no que diz respeito aos endereços e contatos dos associados, bem como aniversários de dependentes etc. Aproveitou para dizer que o público-alvo não estava dando o devido valor ao site da família, uma vez que estava havendo pouca receptividade dos associados. Realçou que futuramente o seu valor deverá ser reconhecido. Prometeu enviar mensagens pelo WhatsApp solicitando as informações desejadas. Na oportunidade foi informada a regularização do novo endereço do Cláudio/Ana.
2 – Marcos César falou sobre a necessidade de haver mais otimismo e dedicação dos associados ao FAM.
3 – Cláudio Magalhães aproveitou para informar o seu novo endereço: Rua Durval Guimarães, 1926, ap. 801, Edifício Maria Cavalcante, CEP 57035-060, Ponta Verde, Maceió AL.
4 – Cláudio Jr definiu o local das próximas três reuniões: Agosto, na casa da Vaninha (por ser o mês do seu aniversário); Setembro, na casa do próprio (pelo mesmo motivo); e Outubro, na casa do Magno, na Barra Nova, em homenagem ao aniversário do pai.
5 – Eline aproveitou para agradecer a mudança da reunião em atenção ao seu desejo de poder participar e rever a família.
Encerramento: Eram 12:00h. Vânia agradeceu a presença de todos, principalmente da Eline, que sempre prestigia a família e o FAM. Aproveitou para agradecer ao associado Miguel Magalhães pela acolhida em sua casa e convidou a família para curtir os bons momentos proporcionados pelo lindo encontro na casa de seu sogro. Ante um elogio oferecido ao casal Marcos/Vania, ela reagiu dizendo que realmente ela deve o seu sucesso ao Marquinho, “que faz a diferença”.
Márcio convidou a todos para verem o vídeo especial citado pelo Cláudio Jr. Correu forte emoção.
Seguiu-se uma bela festa familiar, onde todos se divertiram até a noite.
Arapiraca, 24 de julho de 2017.
Abel de Oliveira Magalhães – Secretário

Compartilhar

3 COMENTÁRIOS

  1. Esta ATA realmente descreve literalmente o acontecido nessa reunião da família que, além de toda alegria, emoção e diversão, acho de suma importância citar que tudo só foi possível, devido a participação de todos em colaborar, primeiramente com sua presença, e depois, cada um, de sua forma, levando seu quilo de carne, bebidas, e o principal, “alegria”
    Parabéns, tio Abel, pela bela ata aqui redigida.

  2. Gostaria de registrar minha alegria com a família. A harmonia prevalece todo o tempo e ata descreve integralmente os momentos vividos na reunião garantindo assim o registro histórico para o futuro.
    Foi muito bom está com todos vocês
    Ao Abel agradeço pelo carinho da carona e pela competência de tornar as atas cada vez melhores
    Abr

DEIXE UMA RESPOSTA

*