2016 – 10º livro – Laudato si

1
564

CARTA ENCÍCLICA
LAUDATO SI’
DO SANTO PADRE
FRANCISCO
SOBRE O CUIDADO DA CASA COMUM

‘LAUDATO SI’, mi’ Signore – Louvado sejas, meu Senhor», cantava São Francisco de Assis. Neste gracioso cântico, recordava-nos que a nossa casa comum se pode comparar ora a uma irmã, com quem partilhamos a existência, ora a uma boa mãe, que nos acolhe nos seus braços: «Louvado sejas, meu Senhor, pela nossa irmã, a mãe terra, que nos sustenta e governa e produz variados frutos com flores coloridas e verduras».
Esta é a introdução do livrinho que ganhei do amigo Brancildes, que trouxe a seguinte mensagem: “Ao meu amigo Abel, com muito apreço”.
Encíclica:
substantivo feminino
carta circular do papa abordando algum tema da doutrina católica.

Como é do conhecimento de grande parte das pessoas que fazem o meu círculo de amizades, ainda não evoluí o suficiente para admirar e compreender as coisas divinas como professadas pela Igreja Católica e/ou Evangélicas. Sempre tenho recebido convites para participar de atividades desenvolvidas pelos segmentos e educadamente tenho agradecido. Apesar de toda dificuldade, tenho evoluído um pouco, principalmente no que diz respeito ao convívio social. Ao ganhar o presente sob referência, entendi como importante aproveitar e fazer a sua leitura, principalmente por causa do autor, o Papa Francisco, que tem se distinguido nas relações sociais no mundo inteiro. Também era uma maneira de prestigiar o amigo que tem batalhado muito para participar de tais atividades religiosas. A abordagem também era um universo que eu não tinha o menor conhecimento. Então resolvi unir o útil ao agradável.
Pela introdução apresentada, a obra se propõe transmitir uma mensagem oportuna e grandiosa. Ela manifesta a maior preocupação com o meio ambiente e a violência que acontece no mundo, principalmente no Oriente Médio. A linguagem é muito suave e transmite uma mensagem de paz e consciência. Gostei da obra.
Maceió, 09 de abril de 2016.
Abel de Oliveira Magalhães.

Compartilhar

1 COMENTÁRIO

  1. Muito bom!
    Vindo do Papa Francisco, essa obra deve mesmo transmitir paz.
    Parabéns pelo seu ritmo de leitura e pela busca de conhecimento em áreas diversas.

DEIXE UMA RESPOSTA

*