Sumário da Reunião da Diretoria do FAM, de 08.10.2000

0
634
ATA

Sumário da Reunião da Diretoria do FAM, de 08.10.2000.

ABERTURA – A abertura do encontro se deu às 11:00h com a oração do Pai Nosso e da Ave Maria, feita pela associada Maria Bernadete, que fez uma súplica em nome da matriarca d. Olívia e pediu a sua intercessão com o objetivo de abençoar a família. Em seguida, o presidente pediu ao secretário para fazer a leitura da ata referente à reunião anterior, que foi aprovada sem restrição. Anunciou também ligação telefônica do associado Márcio Rogério justificando a sua ausência por motivo superior, inclusive dizendo que era um exemplo a ser seguido.

Tesouraria: Miguel apresentou o balancete, como segue:

Setembro/2000

Saldo em poupança

2.586,66

Empréstimos

1.198,00

Mensalidades vencidas*

525,00

Saldo em caixa

11,00

TOTAL

4.320,66

Resumo

Receitas

1.025,00

Despesas

-463,24

Saldo operacional

561,76

Demonstrativo de ‘despesas’

Material de expediente

-:-

Expedição de correspondências

-:-

Conta d’água

22,31

Conta de luz

50,93

Secretária da sede**

50,00

Filme e revelação

-:-

Placa (foto)túmulo (Matriarca)

300,00

Telefone(Participação)

40,00

Total

463,24

Demonstrativo de ‘Receitas’

Mensalidades recebidas

50,00

Recebimento de empréstimos

975,00

Doação

-:-

Total

744,00

*Referente ao ano 2000.

**Complemento que excede R$ 100,00.

Terminada a leitura do documento, o Conselho Fiscal se manifestou na pessoa do seu presidente Fernando Magalhães que pediu ao tesoureiro todos os balancetes do ano inteiro para posterior análise e correção de eventuais falhas.

Departamento Social – Cláudio Jr informou que não houve reunião da comissão sobre o passeio anual do FAM, conforme ficou determinado na reunião anterior. Sugeriu que o presidente cobrasse as providências das comissões criadas. O presidente se comprometeu a faze-lo.

Direção Cultural – Rose falou sobre a festinha das crianças, cuja organização estava pronta.

Secretaria – Abel falou sobre o jornal Notícias do FAM e suas novidades como o novo leiaute e o seu conteúdo bem como o sucesso da coluna do Simplício.

Palavra Livre – Fizeram uso da palavra os associados como seguem: O presidente Antônio Magalhães abriu o segmento comunicando um misto de descontentamento e prazer sobre a realidade do FAM: a falta de maior dedicação por parte de alguns associados e o valor que a iniciativa representa.Cláudio disse que visitou o novo cemitério de Arapiraca e ficou impressionado. Convidou a todos para conhecê-lo, inclusive se prontificando para servir de cicerone; pediu que todos vissem o “Fantástico” porque havia matéria sobre Arapiraca, onde ele tinha sido entrevistado pelo repórter Maurício Kubrously; finalizou manifestando a sua preocupação pela inadimplência existente. Cláudio Jr anunciou parceria entre a Banka jr e a Farmácia Santa Quitéria; reclamou a falta de justiça por quem de direito no caso da morte de seu primo Marcos Antônio ocorrida há três anos, no dia 05 de outubro de 1997. Sua sede de justiça foi aplacada pela informação de que a família, por sofrer ameaças, preferia a justiça divina; parabenizou o primo Márcio Rogério e Albenise pelo seu enlace matrimonial, a nova vida e o aumento de responsabilidade; finalizou anunciando que sua esposa Elisângela assumiu a administração das Bankas Jr, enquanto ele tinha assumido um cargo na empresa Rodobens onde estava atuando no segmento de consórcios. Williams citou o caso de um funcionário do seu prédio que conseguiu se aposentar graças a sua interferência e o respaldo da associada Maria de Lourdes Magalhães. Lurdinha aproveitou para realçar o valor da Previdência. Disse que o caso do Juraci ia demorar um pouco mas garantiu que vai sair. Miguel, chorando, falou da emoção do casamento de seu filho Márcio Rogério. Agradeceu ao Fernando e a Ana pelo belo dia acontecido no salão de festas de seu apartamento, no domingo que sucedeu o casamento de seu filho. Citou caso ocorrido na Polícia Rodoviária, quando a família voltava de Maceió para Arapiraca. O pessoal que estava no banco traseiro do carro da Ivany estava sem o cinto de segurança. O policial começou a implicar. Daí a pouco o comboio dos demais carros da família chegou junto e os policiais se sensibilizaram, liberando o carro infrator. Miguel finalizou informando a regularização do IPTU da sede do FAM que estava atrasado desde 1997. Fernando fechou o bloco anunciando a necessidade de mudança de rumos no FAM. Teceu comentários sobre sua tese e apresentou esboço no quadro branco. Duas conclusões concretas vieram à tona. a) Foi aprovado o título do novo projeto – PROFAM, idéia da associada Ana Lúcia dentre inúmeras outras sugestões. B) Foi constituída comissão para elaboração do ProFam: Cláudio, Miguel, Antônio, Adilson, Williams e Fernando, sob a presidência do último. Maiores informações no NF.

Arapiraca, 09 de outubro de 2000

Original assinado por

Abel de Oliveira Magalhães

Secretário

Em tempo: Por coincidência, a bandeira do Fam reapareceu.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*