ATA DA REUNIÃO DO FAM REALIZADA EM 11/08/2012

0
492

ATA DA REUNIÃO DO FAM REALIZADA EM 11/08/2012.

Às 21 horas e 16 minutos, do dia 11 de agosto, foi iniciada a reunião anual do FAM em homenagem aos dias dos pais.

Com a palavra, a presidente deu as boas vindas aos presentes e pediu que Ana Lúcia fizesse a oração habitual. Em seguida, a palavra foi passada ao diretor secretário para a leitura da ata da reunião anterior, que foi aprovada sem restrições.

TESOURARIA – Adriana justificou a ausência da tesoureira Ana Paula, que estava acompanhando sua mãe Marta devido ao problema de saúde recém-ocorrido. Em seguida, Adriana pede a todos que paguem suas mensalidades e explica também que devido a correria da última semana (com a mãe internada) não havia tido tempo para atualizar o valor do saldo da conta do FAM, mas que naquele momento poderia afirmar que dos 40 associados existentes na associação (família), apenas 13 haviam feito algum tipo de pagamento no decorrer do ano de 2012, demonstrando como a situação financeira do FAM é grave.

Claudio então pediu a presidente que convença a todos sobre importância de se pagar o FAM, pois quando há acumulação de dívidas, o processo de quitação se torna mais complicado. Aproveitando a participação de Cláudio, Miguel esclarece que naquele momento os pagamentos poderiam se feitos diretamente para a presidente.

Adriana logo explica que mesmo que o associado esteja sem pagar mensalidades de gestões anteriores, é importante que o pagamento das mensalidades desse ano seja feito, pois para o FAM é melhor que o associado volte a pagar, independente da sua situação anterior e que o associado deve conversar com a diretoria, que adotou uma postura bastante flexível em relação a prestação de contas antigas do FAM. Adriano enfatiza a fala de Adriana, afirmando que se todos os 27 associados que não executaram nenhum pagamento ao FAM tivessem contribuído corretamente, o FAM teria cerca de R$3.000 a mais em caixa.

Wirley então questiona se há alguma forma alternativa de se realizar o pagamento. Adriana responde que outras alternativas foram discutidas em reuniões anteriores mas que os pagamentos de taxas impossibilitaram a execução dessas outras formas de pagamento.

DIREÇÃO DE ESPORTES E LAZER – Raninho, o diretor de esportes e lazer, agradece a presença de todos nas olímpiadas eletrônicas (que aconteceram no decorrer do sábado) e comenta que as atividades foram prazerosas e divertiram todos os que estavam presentes, incluindo os que não chegaram a participar de nenhuma competição. O diretor encerra sua participação passando a palavra para a direção cultural.

DIREÇÃO CULTURAL – Adriana explica que o diretor cultural continua estagiando no Paraná, mas que no mês seguinte ele já estará em Arapiraca.

DIRETORIA SOCIAL – Isabela comenta sobre o dia dos pais e que algumas lembrancinhas seriam entregues para os pais presentes na reunião. Pede desculpas pela surpresa não ter sido tão bem elaborada e justifica que vem passando por muita correria nos últimos tempos, além da incerteza da realização da reunião por causa da situação que estava ocorrendo com a associada Marta (que é mãe de três pessoas que fazem parte da diretoria).

Em seguida, todos os pais presentes receberam a lembrança.

A palavra então é repassada para Adriana que afirma que na próxima reunião serão expostos os preços dos locais para o passeio do FAM. Comenta sobre o D’Aldeia Village, hotel que recebeu mais atenção na última reunião, mas que por contato eletrônico, manteve o preço da diária em R$ 290, independente do número de pessoas. Em seguida, Claudio lembra a todos que uma comissão deve ir antes ao local escolhido para checar o mesmo. Relembrando o sucesso do arraiá, Adriana afirma que a ideia de rifar o balaio na festa junina deu muito certo, e que estava pensando em fazer algo parecido para a festa de natal, com o propósito de arrecadar fundos para a viagem do FAM.

Mudando o foco da reunião, Adriana comenta sobre a renovação da galeria dos presidentes e mostra um esboço trazido por Abel de como as imagens da galeria poderiam ficar. O esboço recebeu a aprovação dos presentes. Com a palavra, Abel comentou que não pretende de forma alguma ferir os sentimentos de Claudio Jr., tendo em vista que a ideia da galeria era dele e que gostaria que o mesmo estivesse presente.

Em seguida, Marquinhos e Vaninha chegam à reunião, sendo recebidos com alegria. Abel continua afirmando que todos precisam ouvir a opinião da diretoria, e também a opinião de Cláudio Jr. sobre a galeria.

Magno pede a palavra e explica que apesar de uma possível substituição dos desenhos por fotos, ainda será a representação da ideia do Claudio Jr., pois o mesmo desejou tornar realidade a galeria dos presidentes do FAM e o que importava era a manutenção da sua intenção, do seu objetivo. Abel então argumenta que todas as galerias existentes atualmente possuem imagens fotográficas, não desenhos. Cláudio comenta em seguida que, além de ficar melhor, a substituição por fotos evitaria o infortúnio de não conseguirmos mais imagens semelhantes, caso o contato com o artista seja perdido.

Por unanimidade, todos os presentes aprovaram a substituição de desenhos por fotografias, com a ressalva da presença da aprovação do Cláudio Jr.

Prosseguindo, Adriana comenta novamente sobre os obstáculos que ocorreram durante o mês e pediu desculpas qualquer falta que tenha surgido. Cláudio então relembra o pedido do quadro com a foto dos 10 irmãos juntos, imagem feita no Arraiá do FAM.

PALAVRA LIVRE – Ivonete inicia a palavra livre e sugere que a foto esboço da nova galeria seja colocada por trás dos desenhos existentes para melhor conservação. Argumenta que dessa forma não haveria risco do esboço ser amassado ou sofrer qualquer outro tipo de dano.

Miguel então comenta que todos os núcleos da família deveriam fazer uma espécie de galeria semelhante em suas casas.

Com a palavra, Wirley cumprimenta a todos e comenta que infelizmente não teve como estar presente na festa junina da família. Em seguida, comenta que está prestes a ser avô. Emocionado, revela que o principal objetivo de ter comparecido à reunião é rever a família que ele ama de paixão. Wirley afirma que está acompanhando os passos da nova diretoria e que está contente com os resultados. Mudando de assunto, o associado pergunta a todos se há alguma rua em Arapiraca que possua o nome da matriarca da família, Olivia Magalhães. Diante da resposta negativa, Wirley afirma que Olívia deveria receber essa homenagem, da mesma forma que o patriarca Tibúrcio Magalhães havia recebido. Para reforçar sua ideia, comenta que sua sogra também foi homenageada com uma rua recebendo seu nome.

Com a palavra, Marcinho enfatiza o valor da nova direção por sua simplicidade. Em meio a lágrimas, comenta que na reunião do FAM ele se emociona e não consegue falar, diferente do que acontece em seu trabalho.

Em seguida, Marquinhos comenta que sentiu falta de estar presente na reunião e diz perceber, com felicidade, que a cada dia que passa as mais novas gerações do FAM estão aparecendo. Marquinhos também comenta que sente falta das pessoas da família se comunicando nas mídias sociais do FAM, que esses meios deveriam servir de ponte para aproximar as vidas de todos, e desabafa comentando como sente saudades do seu tio Cláudio, que está morando no pontal do Coruripe. Finalizando, Marquinhos pede que todos compartilhem suas felicidades, pois a felicidade será de todo mundo e a dificuldade partilhada será sofrida com menor intensidade.

Com a palavra, Adilson fala sobre os últimos eventos envolvendo sua esposa. Emocionado, agradece a todos que prestaram solidariedade, chorando logo em seguida. O associado afirma que esses acontecimentos uniram mais as pessoas de sua família.

Em seguida, Adriana agradece aos presentes e comenta como adorou as olimpíadas eletrônicas e pede que esse evento seja repetido mais vezes. Lourdinha aproveita o assunto e parabeniza Raninho pelo evento recém-ocorrido. Adriana então comenta as falas de Marquinhos. Usando ela mesmo como exemplo, fala sobre os acontecimentos recentes envolvendo sua mãe, revelando como ficou feliz pela conclusão desse episódio. Comenta como foi “lindo ver sua mãe em casa” e que a força de Paula no ocorrido foi de extrema importância, explicando que a mesma ficou muito cansada pois ficava dia e noite com a mãe no hospital e que devido ao fato de ter que cuidar da Clarinha, a mesma não tinha como substituí-la. Mudando de assunto e dando uma boa notícia, Adriana anuncia com muita felicidade que sua casa está sendo construída. Magno então comenta como sua filha Bruninha gosta de Ana clara, filha da presidente. Afirma que sempre que precisar, Adriana pode deixar sua filha sob os seus cuidados e os de Eliane. Adriana agradeceu a oferta de ajuda.

Antes do término da reunião, a presidente pediu para que os pais presentes fossem fotografados juntos. Após a foto, a reunião dos dias dos pais foi finalizada.

Arapiraca, 21 de agosto de 2012.

Alysson Nogueira de Magalhães

Secretário do FAM

Adriana Nogueira de Magalhães

Presidente do FAM

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*