ATA DA REUNIÃO

0
505

ATA DA REUNIÃO

No dia 19 de abril de 2009, às 11h50min, a reunião foi aberta sob o comando do associado Cláudio de Oliveira Magalhães Junior, Presidente do FAM, que convidou Bernadete para fazer parte da mesa e iniciar a oração com todos os presentes.

Iniciou, o Presidente, lendo um texto que tratava da importância de estarmos ali e da transformação da nossa família. Em seguida, leu a pauta, a qual foi aprovada. Pediu que a secretária Margaret Jane fizesse a leitura da ata do mês anterior, que não pôde fazê-lo em virtude de não ter o documento em mãos.

Wigberto Magalhães, tesoureiro, apresentou o saldo do FAM e relatório, o qual foi aprovado. Aproveitando o ensejo, o Presidente disse que os filhos da 3ª geração que pudessem pagar a mensalidade do FAM assim o fizessem, para ajudar a associação a se capitalizar.

Wirley, diretor cultural, iniciou, emocionado, agradecendo a presença de todos, na casa de sua mãe, Bernadete. Disse que a pasta cultural tem um trabalho sensível com habilidade de cultivar, conservar a harmonia da família. Falou ainda que cada membro da diretoria tem que ter responsabilidade e compromisso, o que não se admite a secretária não estar de posse da ata do mês anterior. Em seguida, juntamente com sua esposa, Leninha, iniciou uma dinâmica que representava uma teia cuja mensagem principal era que todos deviam estar ligados um a um; que existe um elo entre os maiores valores da vida. A partir disso, o Presidente do FAM, Cláudio Júnior, foi chamado para definir o termo “alegria”. Após a definição, indicou para representar o termo, Miguel. O mesmo definiu a “vida”, cuja pessoa escolhida para representar foi Marquinho. Este definiu “harmonia”. Ele indicou Cláudio, além da Família Magalhães; Cláudio Magalhães definiu o “amor”. A pessoa escolhida por ele foi sua esposa Ana Lúcia; Esta definiu “liderança”, e chamou para bem representar Vaninha; Vaninha, por sua vez, definiu a ”união”; e escolheu como melhor representante, sua sogra, Ilda; esta definiu a “sabedoria”, tendo como pessoa para representá-la Marquinho; este voltou a definir “esperança”, e escolheu para representá-la Fernando; esta definiu “segurança”, e indicou Olívia, matriarca, representada por Bernadete; esta definiu “felicidade”, e escolheu Betinho para bem representá-la. Este definiu a “paz”, que escolheu sua esposa, Eliene, para melhor representar; esta definiu, por fim, ”organização”, e chamou Cláudio Jr para representá-la. Terminada a dinâmica, verificou-se a formação de uma teia, através de um cordão, unindo todos por um elo de valores essenciais à vida.

Raniery Jr, diretor de esportes e lazer, disse que em breve será realizado o campeonato de biriba, ficando a data definida para a realização do evento, nos dias 13 e 14 de junho próximos.

O associado Juracy Magalhães, diretor de patrimônio, ficou incumbido, pelo Presidente, de ficar atento aos problemas pertinentes ao patrimônio da associação e enviar, na próxima reunião, um relatório das condições do mesmo.

Marcos Magalhães, diretor social, disse que a pasta social, que produz eventos, necessita de melhoramentos e da participação de todos da família. Este é objetivo maior do FAM. Disse da dedicação da secretária da Associação; que a atitude do diretor cultural, Wirley, foi infeliz e que todos precisam estimular uns aos outros. Ficou definida a reunião de maio para o dia 09, à noite, em comemoração ao dia das mães, solicitando, por isso apoio para tal comemoração. A Sede do FAM ficou definida como o local para a citada reunião e comemoração da festa das mães. Em virtude do aniversário da Ilda e casamento, 44 anos, a reunião de junho já ficou definida para o dia 14, na casa do Miguel.

Na palavra livre, Vaninha parabenizou Bernadete pela recepção em sua casa; parabenizou Wirley e Leninha pela volta ao FAM e pela criatividade e boa vontade de servir à associação.

Fernando parabenizou Wirley e Leninha pelos valores enaltecidos na dinâmica.

Cláudio solicitou do Presidente a complementação, gestão de cada presidente, na galeria do FAM. Exaltou a felicidade por estar na casa da Bernadete, que é fã de sua irmã e que ela é a continuação de sua mãe; que a Betinha é responsável pelas reuniões realizadas em casas diversas e que o FAM precisa que ela e sua família voltem a freqüentar as reuniões; disse ainda que, apesar de sua casa ter uma melhor estrutura, a reunião foi melhor na casa da Bernadete.

Margaret agradeceu a homenagem feita, no seu aniversário, via telefone, de todos da família que estavam presentes no Pontal de Coruripe, pelo carinho demonstrado e pediu desculpas pela falha cometida relacionada à sua função. Prometeu que não mais se repetiria tal ato.

Leninha pediu desculpa pelo afastamento de sua família do FAM, atribuindo a si mesma a culpa por tal fato. Disse que receberia todos com amor em sua casa na possibilidade de uma reunião ser efetivada lá. Convidou um grupo de meninos da Igreja para fazer uma apresentação, uma dança representando a ressurreição de Jesus no coração de todos.

Wirley disse que o grande sonho do departamento cultural é preparar um grupo da família para fazer as apresentações.

Bernadete agradeceu a todos e pediu desculpa pelas eventuais falhas.

Fernando sugeriu a formação do teatro do FAM.

Vaninha e Wirley falaram da falta que fazem Abel e Ivonete na reunião.

O Presidente encerrou a reunião agradecendo a Bernadete e pediu uma salva de palmas a sua família. Desafiou o departamento cultural para formar um concurso para a escolha do adesivo do FAM. Avisou o projeto do vídeo, um documentário do FAM estará pronto até o final do ano e que na próxima reunião, os membros do FAM receberão a presença de Albério, presidente da ONG Candeeiro Aceso, para falar da possibilidade de a Associação receber verba do governo federal. Encerrada a reunião, todos foram almoçar e se deleitar com um churrasco, na casa da Bernadete.


Original assinado por

Margaret Jane Magalhães Ferreira

Secretária do Fam

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*