Ata da reunião da diretoria do FAM, de 10.04.2005

0
451

Ata da reunião da diretoria do FAM, de 10.04.2005

ABERTURA – A reunião foi iniciada por volta das 10:50h, com a oração habitual feita pela associada Maria Bernadete, sob a presidência do sr. Cláudio de Oliveira Magalhães. Em seguida, o presidente solicitou do secretário a leitura da ata da reunião anterior, que foi aprovada sem restrição.

Tesouraria – O tesoureiro Cláudio Magalhães apresentou os relatórios referentes aos seguintes eventos: Passeio do FAM e da AGO, entregues pelo ex-presidente Marquinhos. Os documentos registraram os seguintes resultados: Passeio do Fam – Despesas: R$ 1.943,00; Receitas: R$ 2.250,00; Saldo: R$ 307,00. AGO – Despesas: 1.173,50; e Relatório normal do mês de março-2005. Todos foram aprovados. Cláudio agradeceu a colaboração do associado Fernando pela ajuda na montagem dos relatórios e disse que a partir de então estava de fato e de direito dominando a situação do cargo.

Direção de patrimônio – Adilson agradeceu ao Abel pela remessa do relatório do setor. Informou que faltava contabilizar alguma coisa. Prometeu atualizar e enviar cópia ao Abel para controle geral. Anunciou a colocação do portão e limpeza do condomínio, bem como a substituição do forro de área da sede com PVC, passando o relatório das despesas ao presidente.

Direção cultural – Cláudio Júnior falou sobre o MUSEU DO FAM, idéia que tem defendido com muito orgulho. Apresentou uma relíquia recebida de sua querida avó quando viva e segurando-a com muito cuidado (uma xícara de porcelana), solicitou mais uma vez que aqueles que tivessem alguma coisa que lembrasse os patriarcas da família efetuassem a sua doação, visando à concretização do objetivo. Preocupando-se com a futura exposição dos elementos que comporão o museu, Abel falou sobre a mudança da biblioteca para a sala da frente do casarão, onde ficou isolada, afastada e longe das pessoas, apesar de bem tratada e organizada. O fato tirava o estímulo dos interessados. Citou o exemplo de lojas de supermercados e shoppings, onde o visitante compra muita coisa sem estar programado. O desejo é despertado pelo fato de ver os objetos. Disse da sua preocupação e tristeza pelo isolamento da biblioteca. Pediu para que alguma coisa fosse feita objetivando uma solução. Miguel sugeriu que se colocasse uma seta informando a sua localização e pedindo que a visitassem. Ivany discordou, mas todos reagiram no sentido de se fazer alguma coisa para melhorar o aproveitamento da mesma. Abel lembrou que tem lido muito, e o fato estimula doar livros à biblioteca. Lamentou a falta de uso da mesma. Cláudio Jr lembrou o jornal Notícias do Fam e a falta que ele está fazendo. Disse que ele seria um grande incentivador para a biblioteca e para o Museu do Fam.

Direção Social – O diretor social Marquinhos informou que está preparando a comemoração do dia das mães, ficando determinado o sábado, dia 07 de maio, às 20:00h com a reunião seguida de um jantar oferecido pelas damas do Fam. Disse que o calendário anual de eventos será divulgado na próxima reunião.

Palavra livre – Ana Lúcia pediu desculpas por não ter trazido a lista de presença, prometendo regularizar no próximo mês. Cláudio agradeceu a recepção na casa do Abel quando da ida a Maceió ao longo da semana, bem como pela confecção de uns DVDs feita pelo mesmo. Abel informou, com muito entusiasmo, a vinda de seu 8º neto, filho do Carlos Magno e Eliane; falou sobre a sua formatura, manifestando o desejo de contar com a presença de todos, inclusive para fins de providência de senhas. Antônio, mais uma vez, falou sobre a necessidade de capitalização do Fam. Em seguida, parabenizou o diretor de patrimônio pelo trabalho realizado na sede do Fam, sendo seguido pelo Cláudio Jr, que aproveitou a ocasião para agradecer a visita ao Espaço Banka Júnior, renovando o convite a fim de se apreciar aquela feijoada e outras delícias servidas no referido local. Fernando falou sobre um artigo da Veja assinado pela colunista Lya Luft, intitulado “Uma Páscoa Particular”, recomendando que todos da família lessem o mesmo. Parodiando o citado artigo, falou sobre seu casamento e disse que a vida era feita de ciclos. Quando um ciclo se encerrara, nova vida brotava em forma de novo ciclo. Disse da importância da Ana e de suas filhas em sua vida; que elas estavam preparadas para enfrentar a vida conforme o seu desejo. Falou do seu amor por elas. Lembrou as alegrias e sofrimentos. Concluiu dizendo que a sua vida tinha encerrado um ciclo… E que outro estava iniciando…Miguel agradeceu a todos, dizendo que a reunião foi muito emotiva. Parabenizou a Lourdinha pelo novo neto e aos aniversariantes do corrente mês, encerrando a reunião.

Original assinado por:

Ana Lúcia de Oliveira Magalhães

Secretária

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*