Sumário da Reunião da Diretoria do FAM, de 11.11.2001

0
691

Sumário da Reunião da Diretoria do FAM, de 11.11.2001.

ABERTURA – A abertura do encontro se deu às 10:45h com a oração do Pai Nosso e da Ave Maria, feita pela associada Bernadete, em respeito à matriarca d. Olívia. Em seguida, o presidente pediu ao secretário para fazer a leitura da ata referente à reunião anterior, que foi aprovada sem restrição.

Tesouraria: Sandra apresentou o balancete, como segue:

Outubro/2001

Saldo em poupança

2.220,57

Demonstrativo operacional

Empréstimo (Rectº. 3ª e última parcela)

346,66

Empréstimo 25/09 (Rectº 1ª parcela)

560,00

TOTAL

906,66

Resumo

Mensalidades recebidas

245,00

Arrecadação da 1ª Olimpíada

180,00

Despesas do período

1.100,18

Saldo operacional

-675,18

Demonstrativo de ‘despesas’

Expedição de correspondências

14,60

Conta d’água

36,02

Conta de luz

32,66

Secretária da sede*

50,00

Descupinização (Adiantamento)

500,00

Olimpíada (carne, almoço e bebida)

413,00

Medalhas

53,90

Total

1.100,18

*Complemento que excede R$ 100,00.

Direção Social – Ausência justificada pelo presidente.

Secretaria – Idem

Direção de Patrimônio – Miguel Jr anunciou a descupinização da sede social do FAM e a reforma na área. Solicitou a ajuda do associado Miguel Magalhães para detalhar o assunto. Este informou que contratou um autônomo, em lugar de uma empresa, para diminuir os custos. Foi dedetizada toda a área envolvendo sede, sítio e casas adjacentes. Além da descupinização, foram trocados o telhado e madeiramento de determinadas áreas e feita a reforma completa do banheiro auxiliar. A louça foi doada pela associada Ivany, preocupada com os usuários, principalmente o Dr. Denis. A despesa total com os trabalhos somou R$ 820,00, cujos detalhes serão publicados no jornal Notícias do FAM. O resultado foi aprovado sob aplausos.

Direção de Esportes e Lazer – Cláudio Jr apresentou correspondências expedidas à AABB solicitando e agradecendo a cessão da área para a realização da 1ª Olimpíada do FAM. Agradeceu nominalmente a valiosa colaboração do Denis e Sandra; das pessoas e empresas que patrocinaram os troféus; do Fernando e Miguel pela ajuda no churrasco; da Mr. Áudio, pela doação das camisas, para quem solicitou uma salva de palmas, pedindo que ficasse registrado em ata o seu reconhecimento. Disse que os troféus “natação-infantil” e “juvenil” não foram utilizados. Precisavam ser redirecionados. Foi criada uma comissão para definir o assunto: Cláudio, Miguel, Adilson, Antônio e Edson Souza. Cláudio Jr realçou o sucesso da 1ª Olimpíada e reclamou de matéria publicada no jornal Notícias do FAM, quando afirma: “…só faltou uma melhor organização.” Houve reações pró e contra.

Palavra Livre – Williams apresentou convite de casamento da filha da Lucinha (Juracy) – Nildjane – cuja cerimônia será no dia 29.11.01, na capela Nª Sª da Saúde (Sítio Maçaranduba, Arapiraca AL). Abordou o excesso das despesas da 1ª Olimpíada. O problema foi resolvido com o uso da verba destinada ao almoço no dia das reuniões, cuja idéia foi aprovada pela assembléia. Cláudio iniciou suas palavras dizendo: “Quem foi à praia adorou”, referindo-se à reinauguração de sua casa de Coruripe. Sua satisfação pelo grande sucesso era muito grande. Discorreu sobre as dificuldades que antecederam ao evento e disse da alegria da reconquista. Falou que sua esposa Ana Lúcia tinha dado o toque feminino necessário e acrescentou que “nenhum empreendimento cresce sem a participação da mulher”. Agradeceu a todos que participaram e disse que “sem a presença de vocês não teria havido graça”. ”Vaninha disse da sua tristeza por não ter ido para a casa do Cláudio em Coruripe. Falou sobre o projeto da compra da geladeira e do fogão, passando a lista para a tesoureira com a incumbência de efetuar a devida cobrança. Miguel Jr reclamou da burocracia do FAM na aprovação dos projetos prejudicando as providências como no caso do projeto da descupinização da sede social do FAM, que demorou muito. Defendeu Cláudio Jr no caso da crítica veiculada no NF, dizendo que o mesmo deveria ser compreendido por estar estressado com a construção de sua casa. Antônio* parabenizou o Denis pela sua atuação ampla na 1ª Olimpíada do FAM. Registrou voto de pesar pelo passamento do seu querido pai, sr. Luiz Medeiros de Araújo, lamentando não o ter conhecido em vida. Suely* lembrou o valor da crítica construtiva. Wirley falou que “a vida é um eterno aprendizado”, dirigido ao Cláudio Jr, acrescentando que “a crítica foi feita para engrandecê-lo”. Realçou o seu potencial. Apresentou o seu pensamento como Diretor Cultural, lamentando a falta de tempo. Citou o exemplo de uma planta (acerola) a que deu dois anos de vida para ela frutificar. Findo o prazo, se não cumprisse sua missão, seria cortada e incinerada. No limiar do tempo surgiu o primeiro fruto e foi uma imensa alegria em sua casa. “Muitas coisas precisam de um tempo para se materializar”, encerrou. Miguel Magalhaes* agradeceu a Ivany pela doação das louças para o banheiro auxiliar da sede do FAM e**. Ilka Magalhães (filha do Alvaci), presente à reunião, revelou sua satisfação em ser “Magalhães” e desejou entrar na Associação. O presidente anunciou que o Estatuto vedava o ingresso de pessoas fora do tronco Tibúrcio/Olívia. Sandra falou, emocionada, sobre a perda de seu sogro a quem destacou como segundo pai. Teceu muitos elogios ao mesmo. Falou sobre o passeio anual do FAM, lembrando que seria em janeiro (dias 19 e 20), na semana que antecede à AGO. Falando em seu nome e da irmã Magal, homenageou a mãe, Ivonete, que aniversariaria no dia seguinte, 12 de novembro. Abel leu frases pinçadas do NF realçando o valor da crítica.

®

*Parabenizou Cláudio Jr pela 1ª Olimpíada do FAM.

**Deu os pêsames ao Denis pelo falecimento de seu pai.

Arapiraca, 11 de novembro de 2001.

Original assinado por

Abel de Oliveira Magalhães

Secretário “ad hoc”

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

*